Como arrumar a mesa de centro - ATUALIZADO

A pedidos, uma overdose de mesas de centro. Ideias para todos os gostos, bolsos e estilos.











































As mesas de centro, laterais e de cabeceira exercem um importante papel na decoração dos ambientes, seja expondo adornos, servindo de apoio, ou iluminando cantinhos. A forma de decorá-las se torna então importante na medida em que valorize suas características criando um todo harmônico. Abaixo algumas dicas:



• Evite transformar suas mesas em uma “vitrine”, entulhando-as de objetos. Lembre-se da máxima: “Menos é mais”. Escolha poucas peças, mas de qualidade.

• Não tenha medo de mesclar materiais nos adornos. Prata, cristal, porcelana, alumínio, murano... Todos podem conviver em harmonia. Observe apenas que formatos e tamanhos sejam diferentes. Vale trabalhar com os contrastes: Um prato pode ir bem ao lado de um castiçal. Ou podemos criar agrupamentos juntando peças diferentes, mas com uma característica em comum como, por exemplo, a cor.

• Uma regra importante é: “Tampos “frios” ? adornos “quentes” Tampos “quentes” ? adornos “frios”". Por exemplo, um tampo de madeira pode pedir peças de cristal ou alumínio, já um tampo de vidro pode pedir uma peça de porcelana ou cerâmica. Assim criamos sempre contrastes interessantes evitando a monotonia.

• Livros na mesa de centro são permitidos se puderem ser consultados, ter muitas imagens para serem vistas e até mesmo contar um pouco das preferências do morador. Assim um fotógrafo pode deixar um livro sobre fotografias, ou um gourmet um livro ilustrativo sobre culinária. Livros sobre decoração, artes e moda são sempre bem vindos. Mas não faz o menor sentido usar a coleção de livros do Machado de Assis para decorar a mesa de centro!

• Utilizar uma caixinha charmosa é uma boa saída para acabar com a desordem na mesa de cabeceira. Assim relógios, anéis, e outros pequenos artefatos cotidianos podem ficar nela deixando o visual sempre arrumado. Com relação às mesas de cabeceira ainda, uma opção atual é usar móveis diferentes e até mesmo contrastantes de cada lado da cama. Tome cuidado apenas para que o todo continue harmônico.

• Adornos altos na mesa de centro devem ser evitados pois podem atrapalhar a conversa das pessoas que estão sentadas nos sofás.























Texto de Alexandre Wytautas e imagens Casa de Valentina, acervo pessoal e site da Tok Stok

6 comentários:

Carol disse...

Minha mesa de centro é enorme e fico misturando as coisas que eu gosto tanto, o jardim Zen faz o maior sucesso com as visitas.
Beijos

Shilola disse...

Gata, fiquei até com medo de vc menina... Vc justo colocou tudo que eu precisava saber!!!! :D
Adoro!
Agora posso colocar minha mesinha de centro e de canto na maior tranquilidade! ;)
Bjcas,

faby disse...

Oi querida, muito boa as dicas, pena que eu ainda não comprei minha mesa de centro, mas pelo que pude ver no seu post, quando eu for comprar vou escolher uma bem grande rsrss.
Bjocas!!!!!!!!!!!

Fê Dutra disse...

Adorei este post. Tenho uma dificuldade gigantesca em arrumar mesas de centro, tanto que aboli, a minha aqui em casa. Quem sabe seguindo essas dicas eu não me anime e compre outra pra mim.
Beijos

Bel disse...

Antigamente era mais fácil, colocava-se uma toalhinha de crochê e um vasinho com planta e estava ótimo!..rs..

Bel disse...

Antigamente era mais fácil, colocava-se uma toalhinha de crochê e um vasinho com planta e estava ótimo!..rs..

Postar um comentário

O que você achou?